Identidade-visual-Logo-BLOG

Entenda como funciona o conceito de Open Logistics

Blog- Open Logistics: o que é, benefícios

Nos últimos anos, a evolução tecnológica tem dominado diversos setores por todo o mundo, e com a logística não é diferente.

A busca por melhorias nos processos, eficiência operacional e redução de riscos tem sido uma prioridade nesse setor devido à demanda crescente do mercado. Muitas empresas têm recorrido a softwares para otimizar suas operações. No entanto, a falta de integração entre sistemas tem causado problemas, como retrabalho e dependência de vários fornecedores tecnológicos.

Para lidar com esses desafios, surgiu o conceito de Open Logistics ou na tradução Logística Aberta.

O que é Open Logistics?

É uma abordagem que preza pela transparência e conexão entre todas as partes envolvidas, desde fornecedores até clientes. Enquanto os métodos tradicionais costumavam fragmentar informações em diferentes etapas, o Open Logistics propõe uma rede colaborativa, integrando diferentes softwares logísticos permitindo que os dados circulem livremente entre os sistemas em tempo real, promovendo mais eficiência na gestão da cadeia de suprimentos.

Como funciona?

Com o apoio da tecnologia, o Open Logistics integra sistemas como softwares de gerenciamento de cadeia de suprimentos, como o ERP (Sistema Integrado de Gestão Empresarial), TMS (Sistema de Gestão de Transportes), YMS (Sistema de Gestão de Pátio) e WMS (Sistema de Gestão de Estoque), que possibilitam o rastreamento em tempo real, análise de big data e Internet das Coisas (IoT).

Essas tecnologias possibilitam o rastreamento completo dos produtos, da fabricação até a entrega, gerando insights úteis para otimizar rotas, gerenciar estoques e prever demanda, além de promover a colaboração entre os agentes da cadeia de suprimentos, facilitando o compartilhamento de informações sobre demanda, estoque e capacidade de transporte, evitando atrasos, minimizando desperdícios e aprimorando a eficiência logística.

Blog - Open Logistics

Principais vantagens competitivas do Open Logistics

Adotar esse conceito ao seu negócio pode trazer benefícios significativos.

1. Redução de custos

Esse conceito oferece uma visão completa e em tempo real de toda a cadeia de suprimentos, permitindo que os gestores monitorem de perto suas operações e façam ajustes conforme necessário para usar os recursos da melhor forma possível.

Ao otimizar processos, planejar melhor as tarefas e ter uma comunicação perfeita entre os softwares, o Open Logistics garante mais economia para as empresas, possibilitando o investimento em melhorias nos produtos, serviços e expansão ou para desenvolvimento interno, como treinamento para funcionários ou adotar tecnologias avançadas.

2. Eficiência operacional

No Open Logistics, a entrada e saída de mercadorias do estoque são automaticamente sincronizadas com os sistemas de gestão. Isso mantém o estoque sempre atualizado, reduzindo atrasos e evitando erros de inventário. Além de reduzir falhas como estoques excessivos ou a falta de produtos.

3. Satisfação do cliente

Com o avanço da tecnologia, o prazo de entrega se tornou um dos fatores decisivos para novas compras. Isso porque empresas que oferecem prazos de entrega reduzidos somados ao acompanhamento do produto em tempo real até o destino, constrói confiança, potencializa a satisfação do cliente e resulta em fidelização, além de recomendações favoráveis.

4. Adoção de práticas sustentáveis

Quando as empresas abraçam a sustentabilidade, não só ajudam o planeta, mas também se destacam no mercado, atraindo clientes e parceiros comprometidos com práticas sustentáveis.

Por isso com o conceito de Open Logistics, as empresas podem ver toda a cadeia de suprimentos de forma clara e rastreável. Ajudando a identificar onde há desperdício, ineficiências e como reduzir o impacto ambiental. Isso não apenas torna as operações mais ecológicas, mas também melhora a reputação da empresa e atrai consumidores conscientes.

5. Assertividade na tomada de decisão.

Uma grande vantagem competitiva do Open Logistics é capacitar empresas a tomar decisões estratégicas baseadas em dados em tempo real, coletando e analisando informações de forma eficiente.

Ao tomar decisões rápidas e inteligentes as empresas podem ganhar destaque no mercado, superando a concorrência. Isso ajuda a alinhar suas estratégias adequando-se a necessidade dos clientes, criando produtos e serviços que as pessoas realmente desejam. 

Tenha um meio de pagamento habilitada pela ANTT para a emissão do CIOT.

Blog - Open Logistics

Como adotar o conceito Open Logistics?

Podendo ser aplicado em diversos setores, desde varejo até alimentício, permitindo que o alimento seja rastreado em tempo real, garantindo que a temperatura e o estado do alimento sejam acompanhados, garantindo a qualidade do produto durante todo o percurso.

Mas para aderir ao conceito, é necessário um plano de estratégia bem definido levando alguns pontos em consideração.

1. Escolha tecnologia avançada

Escolha ferramentas que possam integrar com facilidade outros softwares. Sistemas que utilizam nuvens e que sejam compatíveis com API são essenciais.

2. Avalie sua infraestrutura

Verifique a capacidade e necessidades de seus sistemas de gerenciamento de cadeia de suprimentos, inclua rastreamento e análise de dados em sua grade e identifique lacunas de integração e colaboração.

3. Padronize a comunicação

Intercâmbio Eletrônico de Dados (EDI) e API’s permite que diversos sistemas se comuniquem entre si, trocando informações importantes de forma harmoniosa.

4. Invista em rastreabilidade

Tecnologias de rastreamento em tempo real, monitorar a localização e o estado dos produtos, contribui para aumentar a eficiência de sua operação. 

5. Treine sua equipe

Treine seu time para entender e utilizar efetivamente as novas ferramentas. Adote a cultura de colaboração, engaje sua equipe para obter bons resultados.

6. Seja flexível

Com o avanço da tecnologia, é importante que você esteja preparado e dispostos a realizar mudanças para se adaptar as evoluções do mercado.

7. Meça os resultados

Acompanhar regularmente os indicadores-chave como satisfação do cliente, tempo de entrega e eficiência da operação, e compare com os resultados anteriores.  

8. Monitore os processos

Acompanhe os resultados da implementação do conceito Open Logistics e identifique as áreas que precisam de melhorias, realize os ajustes necessários em cada processo.

9. Tenha bons parceiros

Estabelecer parcerias sólidas com fornecedores, distribuidores e transportadoras contribuem para o crescimento e qualidade do seu negócio.

10. Analise os dados

Aplique o processo de  análises de big data para melhorar os padrões de demanda, otimizar rotas de transporte e tomar decisões inteligentes.

Aplicar o conceito de Open Logistics é um processo contínuo que requer trabalho duro, investimento em tecnologia e uma mudança na mentalidade e cultura da empresa. Mas vale a pena, pois os benefícios em termo de eficiência, qualidade da operação e satisfação do cliente agregam valor ao seu negócio.

Reduza custos, faça entregas mais eficientes e torne sua operação mais rentável com a nstech, a maior plataforma Open Logistics do mundo, que possuí centenas de soluções conectadas em um só lugar que garantem a eficiência, rentabilidade, segurança e sustentabilidade da sua empresa.

Fique por dentro de tudo que
acontece no mundo da Fintech!

Artigo relacionados